17 maio, 2010

Vitamina


Fonte: http://xnoah.spaces.live.com/blog/cns!62D7262080CC934!1166.entry

Mente sã e corpo são!

Enquanto naufragam (com trocadilho) as tentativas de conter o mega vazamento de óleo no Golfo do México e o governo americano inventa atentados terroristas feito fogos de artifício para distrair a atenção do povo norte-americano, ganha pouco espaço na imprensa um novo relatório sobre a importância da massiva presença de produtos químicos não regulados no meio ambiente e as suas consequências para a disseminação do cancêr. (leia mais)

Relatório na versão original (em inglês) 

Essas substâncias são encontradas não só em produtos de higiene, cosméticos, embalagens, etc., mas, principalmente, na alimentação. E não precisa ser um "produto industrializado", pois até as frutas e legumes que encontramos nos supermercados podem estar carregados de substâncias por causa da utilização dos agrotóxicos. Se quiser saber mais a respeito, assista o documentário O Mundo segundo a Monsanto. (Existem diversos sites que possibilitam fazer o download e no youtube tem o filme divido em partes.) Aplique a realidade (do filme) à outras empresas e verá em que situação a humanidade se encontra.  

Não é a toa que a cultura orgânica vem crescendo. 

O reconhecimento de que características da dieta possam exercer influência decisiva sobre estado de saúde dos indivíduos determinou que a Organização Mundial de Saúde (OMS) estabelecesse guias alimentares que definissem limites seguros para o consumo de gorduras, colesterol, açúcar, entre outros (leia mais). Atualmente, estudos apontam que os riscos não estão restritos somente a estes exemplos. Substâncias nocivas à saúde são encontradas até nos alimentos que taxam como saudáveis (como as frutas e legumes, etc. já mencionados).

O que ocorre é que esse padrão de vida que somos induzidos diariamente (a metáfora do sapo e a água quente é uma perfeita demonstração) como melhor, prático,  entre outros pseudo-benefícios, está levando todos para um buraco sem fundo. Um buraco onde as pessoas estão cada vez mais sedentárias, mais infelizes e mais doentes. Muitos já dizem sobre uma epidemia de cancêr e hoje é fácil encontrar alguém com essa doença.

Mas o estilo de vida capitalista não só tem contribuido para o desenvolvimento do cancêr, como outras doenças endócrinas.

Mesmo sabendo que a causa de todas as doenças inicia-se no psicológico, os produtos consumidos (seja pela ingestão, pelo tato, pela respiração) aumentam a probabilidade de desenvolvê-las. E o que este relatório aponta é que a maioria das coisas que nos envolvem carregam esse risco.  Além de relatar esse envolvimento diário, alerta que muitas substâncias estão sendo passadas de geração para geração, pois "são encontradas no sangue, na placenta e no leite materno". 

A solução que vem sendo encontrada é voltar ou basear-se na cultura antes da industrialização. Ou utilizar a evoluída tecnologia para a fabricação de produtos não tóxicos. No caso da alimentação, hoje, resta a alternativa de como era antigamente: consumir alimentos frescos, produzidos na região, orgânicos, etc. Evitar comida pronta e qualquer tipo de insdustrializado.
Mas quem quer realmente se alimentar de forma saudável terá que se mudar para algum lugar do mundo onde a poluição não o tenha atingido. Pois se não bastasse os componentes químicos, os solos e a água utilizada na plantação, em muitos, mas muitos lugares, encontram-se poluídos. Enquanto a limpeza não acontece, resta é diminuir a quantidade de substâncias ingeridas, dando preferência ao consumo de frutas, verduras, legumes, grãos, etc, orgânicos e, se possível, não tenham passado por processos quimícos (como o açúcar, a farinha, o arroz...)

Muitos alimentos, em muitas cidades, é difícil encontrar orgânicos ou que não tenha passado por alguma empresa. Nesses casos o melhor é usar o bom senso e pesquisar sobre a empresa (algumas realmente produzem algo mais saudável) e ler atentamente as embalagens.


Vitamina para o desjejum

1 banana picada
1 laranja (suco)
1 mamão papaya
1 colher (sopa) linhaça dourada
1/2 copo de água

Bata tudo no liquidificador por uns 2 minutos e sirva!



2 comentários:

  1. perfeita sua receita, só acrescentaria se me permitir, um pedacinho de gengibre. Delícia.

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde, visitei o seu blog e gostei muito... Gostaria de lhe pedir se pode colocar o link do meu blog no seu...

    http://vinhosdasemana.blogspot.com/

    Espero que coloque.
    Belo blog!

    Vinhos da Semana

    ResponderExcluir