01 setembro, 2009

Torta de maracujá


Sobremesa rápida, gostosa e fácil de fazer. Só não é recomendado exageros para aqueles que estão de regime, rsrs. Mas é só manter controle!

Gosto de comer a semente de maracujá, mas fui reprimida por algumas pessoas que disseram fazer mal à saúde se você bater a semente de maracujá junto com o suco (que utilizei para fazer a calda). Na minha opinião mastigar e quebrar no liquidificador é a mesma coisa. Então fui pesquisar a respeito:

Pesquisadores revelam que estudos feitos com a semente mostram que ela tem 87% de ácidos graxos insaturados (oléico e linoleico), importantes na elaboração de alimentos com ômega 6 que ajuda no desenvolvimento do organismo. Os cosméticos fazem uso dos ácidos graxos em linhas para controle da oleosidade da pele. Não é difícil encontrar produtos industrializados deste gênero com valores entre R$ 33 e R$ 58
http://www.embrapa.br/imprensa/noticias/2007/abril/foldernoticia.2007-04-02.1658202736/noticia.2007-04-02.8180379485/

Essa notícia encontrada no site da Embrapa fala sobre o desperdício das sementes e cascas do maracujá. O trecho abaixo foi retirado de um estudo científico também sobre o desperdício de sementes e cascas.

As sementes, no maracujá, representam cerca de 6 a 12% do peso total do fruto e, segundo Tocchini (1994), podem ser boas fontes de óleo, carboidratos, proteínas e minerais, apesar do alto conteúdo de celulose e lignina que podem limitar seu uso na alimentação animal, principalmente monogástricos. O óleo de sabor agradável e odor suave compara-se ao óleo de algodão em valor nutritivo e digestibilidade.
http://www.scielo.br/pdf/rbf/v26n1/a27v26n1.pdf

Nota-se que não há estudos científicos sobre malefícios das sementes de maracujá, pelo contrário. O melhor é usar o bom senso e pesquisar e comprovar antes de passar uma "notícia" adiante.

Torta de maracujá

Massa:
75g farinha de trigo
75g farinha de trigo integral
30g quinua em pó
100g manteiga
água

Recheio:
1 lata de leite condensado
1 caixinha de creme de leite
4 maracujás

Misture as farinhas e a quinua com manteiga até obter uma farofa, coloque água aos poucos só para obter o ponto de massa. Leve ao forno até "morenar".
Para o recheio, misture o leite condensado, creme de leite e o suco (c/ semente e tudo) de 3 maracujás. Misture bem até ficar homogeneo. Quando a massa estiver pronta, despeje o recheio por toda a forma. O maracujá que sobrou, coloque todo seu suco no liquidificador e bata. Espalhe sobre a torta, como uma calda.

Eu bato com semente e tudo. Tem gente que não gosta e entre outras coisas dizem que não pode... Mas, cada um faz como quiser! =D

Bon appétit!


2 comentários:

  1. Olá Raquel! Nossa, se tem algo que adoro são doces com maracujá. Essa sua torta está com uma cara maravilhosa, deu até água na boca, humm... bjinhos, Nane www.vovoqueensinou.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Raquel. Boa tarde. Sempre fizemos receitas com maracujá in natura em cursos e nunca ouvi comentários sobre malefícios que as sementes possam causar. Mas você disse tudo. Tudo usado com parcimônia, é melhor. Essa torta está um absurdo de linda.

    ResponderExcluir